marketing

18300132_739082926264798_5470659755137564672_n(1)

Acredito que um profissional de Marketing deva desenvolver a habilidade de olhar a partir do olhar do outro.

Muitas vezes o cliente nem sabe o que quer ou precisa, mas se estivermos a ele conectados, essa sensibilidade permitirá o sucesso em qualquer trabalho.

Sou apaixonada pelo que faço e quero mais. Como diz o mestre #Kotler “Aprender Marketing leva um dia, infelizmente aplicar e dominar leva uma vida!”. É por isso que estou aqui!
#bora #Marketing #amo #amoMkt

Anúncios
comunicação, empreendedorismo, etc, Inovação, Internet, Internet Marketing, marketing, Marketing Digital, Mídias Sociais

Especialistas de Marketing Digital para discutir estratégias de negócios, empreendedorismo e inovação

Mercado Digital no Brasil, Tendências e estratégias de Marketing Digital e Chatbot são alguns dos temas abordados

No dia 17 de maio, acontece o primeiro Meeting Digitalks na capital paulista. Trata-se de um evento que percorre as principais capitais do país para discutir estratégias de negócios, inovação e empreendedorismo com especialistas do segmento digital.

 

Marketing-Digital

O Meeting, que tem 5 horas de duração, das 15h às 20h, une conteúdo e networking para a geração de negócios locais, através da participação de especialistas de Marketing Digital dos principais players de mercado.

Entre os principais assuntos abordados no encontro são Mercado Digital no Brasil, Tendências e Estratégias de Marketing Digital: como otimizar as ações e o case do Poupinha: como o Poupa Tempo otimizou seu atendimento usando estratégias digitais e conceitos como Chatbot, Machine Learning e Inteligência Artificial.

“O Meeting se transformou numa das mais importantes ferramentas de negócios pois permite a troca de experiências entre especialistas de todo o país, tudo isso num ambiente arrojado e intimista, que possibilita o networking e a troca de ideias. Como São Paulo tem um dos mais expressivos cenários digitais do país, nada melhor do que compartilhar conhecimento com profissionais do setor através de um bate-papo seguido de happy hour”, declara Flavio Horta, diretor do Digitalks.

O Meeting Digitalks acontece na sede do Digitalks, que fica na Rua Oscar Freire, 2.379, Pinheiros, das 15h às 20h, reúne Painel de Debate e happy hour e tem lotes de desconto para inscrições antecipadas. As vagas são limitadas para o melhor aproveitamento. A inscrição deve ser feita no site da Digitalks, através do link https://digitalks.com.br/eventos/meeting-sao-paulo-2017/. Informações através do e-mail forum@digitalks.com.br ou do telefone (11) 3159-1458.
Sobre o Digitalks

O Digitalks é a principal empresa brasileira que leva conhecimento e oportunidades de negócios através de mais de 50 atividades anuais, preparando pessoas e transformando empresas para a nova realidade digital.

Desde 2009, o Digitalks realiza eventos em todo o Brasil, dissemina conteúdo em diversos canais de comunicação –incluindo portal de notícias, revista e TV Online–, realiza cursos de capacitação e conecta pessoas, incentivando a geração de negócios sólidos. Integrante do mesmo grupo corporativo do iMasters e E-Commerce Brasil, a empresa tem como objetivo fomentar o setor digital.

O projeto é um oferecimento de Facebook, Google, Mercado Livre e Twitter e é mantido pelas empresas 2Bots, A² Business Intelligence, Accenture Interactive, Adjust, Agência Linka, Akna, All iN Marketing Cloud, Apiki, Buscapé, Buzzmonitor, CI&T, Contentools, CRP Mango, Dinamize, DT+Seeker, Gamned, GhFly, GTC, HostGator, IgnitionOne, Infobip, Kwanko, leadlovers, LinkBrand, LinkedIn, Locaweb, Lomadee, Media Response, PWC, RD Station, Seekr, SEO Marketing, Trakto, Ve Interactive, Video Click, Vitrio, Vtex Partner, Wix, Xtech, Yahoo e Zanox. O projeto tem o apoio de ABRADi, APP Brasil, Cidade Marketing, Digitais do Marketing, E-Commerce Brasil, EraTransmidia, Fenapro, IAB Brasil, iMasters, MestreGP, Mundo do Marketing, Putz Filmes, Siegel Press e Startupi.

Serviço – Meeting Digitalks São Paulo
Data: 17 de maio (quarta-feira)
Horário: das 15h às 20h (conteúdo e happy hour)
Local: Digitalks, Rua Oscar Freire, 2.379, Pinheiros
Investimento: R$ 120,00 a R$ 180,00
N° vagas: 100 lugares (vagas limitadas para melhor aproveitamento)
Inscrições: https://digitalks.com.br/eventos/meeting-sao-paulo-2017/
Informações: forum@digitalks.com.br e (11) 3159-1458

 

comunicação, marketing, Mercado, varejo, venda

Paciente, eu?

market-t2

Eu sou aquele que vai a um restaurante, senta-se à mesa e pacientemente espera enquanto o garçom faz tudo, menos o meu pedido. Eu sou o homem que vai a uma loja e espera calado enquanto os vendedores terminam suas conversas particulares.

 

Eu sou o homem que entra num posto de gasolina e nunca toca a buzina, mas espera pacientemente que o empregado termine a leitura do seu jornal. Eu sou o homem que quando entra num estabelecimento comercial, parece estar pedindo um favor. Eu sou um homem que aguarda tranquilamente que as recepcionistas e os caixas terminem de conversar com seus amigos, e espera pacientemente enquanto os funcionários trocam ideias entre si ou simplesmente abaixam a cabeça e fingem não me ver.

Você deve estar pensando que sou uma pessoa quieta, paciente, do tipo que nunca cria problemas. Engana-se. Sabe quem eu sou?

Eu sou o cliente que não volta nunca mais!

[Texto de Sam Walton, fundador da Wal-Mart]

Img: wallpaperswide

Campanha, comunicação, comunicadores, educação, marketing, Mkt educacional, Publicidade, venda

Comissão de Educação proíbe publicidade em escolas

escola-ebc-990x707
Img: EBC

A Comissão de Educação da Câmara dos Deputados aprovou o Projeto de Lei 2640/15, do deputado Luciano Ducci (PSB-PR), que proíbe a promoção de qualquer atividade com conteúdo comercial nas escolas públicas e particulares de ensinos fundamental e médio.

 

A vedação vale para publicidade, divulgação de produtos, serviços, marcas ou empresas, independentemente do meio utilizado.

A proposta altera a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDB – Lei 9.394/96) na parte que define a finalidade da educação básica.

Vulnerabilidade
Relatora na comissão, a deputada Professora Marcivania (PCdoB-AP) defendeu a aprovação da matéria. Ela destacou que o Código de Defesa do Consumidor, o Código Brasileiro de Autorregulamentação Publicitária (Conar) e o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), entre outras normas, reconhecem a vulnerabilidade da criança diante da propaganda comercial.

“Quando meninos e meninas são expostos a isso nos espaços escolares, os efeitos são ainda mais patentes”, disse a parlamentar.

Tramitação
O projeto, que tramita em caráter conclusivo, ainda será analisado pela Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ).

Fonte: Agência Câmara
Reportagem: Emanuelle Brasil
Edição: Marcelo Oliveira
carreira, comunicadores, marketing, Mkt educacional, treinamento

Capacitação “Marketing Estratégico em IES” terá início dia 1º de agosto

 

Universidade Corporativa Semesp inicia novo curso EAD em parceria com a FIA

 O Semesp – Sindicato das Mantenedoras de Ensino Superior inicia no próximo dia 1º de agosto o curso a distância “Marketing Estratégico em IES”, em parceria com a Fundação Instituto Administração (FIA). O curso, com uma carga horária de 18 horas, visa capacitar os profissionais para aplicação de conceitos, práticas, técnicas e ferramentas gerenciais mais atualizados em Marketing.

marketing-estrategico“O objetivo desse curso é preparar os profissionais de marketing para ocupar níveis hierárquicos superiores, além de introduzir os participantes na discussão de conceitos considerados ainda de fronteira da ciência no campo de marketing estratégico”, adianta o coordenador da Universidade Corporativa Semesp, prof. Dr. Marcio Sanches.

Segundo Sanches, podem participar da capacitação profissionais da área de marketing que atuam em Instituições de Ensino Superior e buscam reciclagem e especialização, que trabalham em outras áreas da IES, mas que percebem a necessidade do conhecimento sobre Marketing Estratégico e ingressantes na área marketing em IES que precisam adquirir os conhecimentos necessários para o desempenho das novas funções.

Os principais conceitos do curso serão explicados com ênfase em videoaulas. As aulas terão dinâmica muito próxima das presenciais e o material de apoio será exclusivo para o curso, associado aos vídeos. O tutor Riccardo V. Morici auxiliará o aluno na resolução de dúvidas. Os Quizzes fixarão o conteúdo e reforçarão a aprendizagem. O Fórum estimulará debates, troca de ideias e conhecimento. Já o estudo de caso, apresentado durante o curso, fará com que o aluno teste na prática o que aprendeu na teoria, formulando um plano estratégico de marketing para captar e reter alunos. 

O conteúdo do curso é dividido em: Marketing Estratégico: Marketing–Natureza das necessidades do cliente ao valor percebido e relevância; Processo de gestão de Marketing, esferas estratégicas e táticas; segmentação de mercado, seleção de alvo e posicionamento; estratégias para novos mercados e mercados correntes; Mix de Marketing: uma visão panorâmica; decisões de produto, preço e distribuição; Plano de Marketing – consolidação das decisões tomadas como guia de ação. Marketing estratégico aplicado às IES: estudos de caso.

“A FIA entra com a produção, operacionalização e certificação dos cursos e o Semesp completa as aulas com mais duas horas de cases específicos do ensino superior”, explica Carlos Eduardo Furlanetti, diretor de cursos do LabFin Provar, da FIA. Segundo Furlanetti os cursos da FIA em EAD são dinâmicos e têm como vantagens “um aprendizado para adquirir conhecimento aplicado no dia a dia melhorando resultados; cursos considerados no índice da Financial Times com os melhores das 30 maiores escolas do país e ainda um modelo que privilegia aulas com mestres e doutores renomados e otimamente avaliados em cursos presenciais”.

Serviço:
Marketing Estratégico em IES
Início: dia 1º de agosto

Inscrições
Informações: universidadecorporativa@semesp.org.br
Telefone: (11) 2069-4444.
Associado Semesp: R$ 540,00
Não-associado: R$750,00

 

Prof. Riccardo V. Morici – é mestre em Business Administration pela Ohio University, em História da Ciência, com foco na História do Marketing, pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo – PUC-SP. É pós-graduado em General Management pela Havard Business School. MBA Corporativo pela FGV. MBA Executivo Internacional pela FGV. CEAG (especialização em Administração de Empresas) com ênfase em Marketing pela Escola de Administração de Empresas de São Paulo – EAESP-FGV. Engenheiro Mecânico pela Escola Politécnica da Universidade de São Paulo – Poli-USP. Professor dos cursos de pós-graduação e MBA da Fundação Instituto de Administração – FIA para as disciplinas de Marketing Estratégico, Gestão de Marketing, Gestão de Marketing no Varejo e Planejamento Estratégico.
Sobre a Universidade Corporativa Semesp
Criada em junho de 2014, pelo Semesp – Sindicato das Mantenedoras de Ensino Superior, a Universidade Corporativa Semesp tem como objetivo capacitar e qualificar os profissionais de instituições de ensino superior, difundindo conhecimentos, técnicas e valores considerados fundamentais para o sucesso do ensino superior no Brasil. Desde sua criação já formou e capacitou cerca de 200 profissionais.
Portal: www.uc.semesp.org.br
 Atendimento à Imprensa: Ana Purchio/ 11 2069-4419 / imprensa@semesp.org.br

 

carreira, Criatividade, empreendedorismo, Financeiro e Negócios, Inovação, Internet, marketing, Mercado, Mulheres Empreendedoras

Empreendimento de sucesso: marketplace para freelancers

Em operação há seis meses, Vinteconto teve investimento inicial de R$ 57 mil. Empresa deve vender mais de 10 mil serviços até o fim do ano, na maioria, por R$ 20.

Empreendedora fatura R$ 500 mil em marketplace para freelancers e empresas

Em momentos de crise financeira, uma das melhores iniciativas para driblar a recessão é apostar na capacidade e no talento profissional individual. E trabalhar como freelancer sempre foi uma das aptidões de Monique Medeiros Costa de 31 anos, brasileira e residente na Inglaterra, que transformou suas habilidades em um negócio bastante lucrativo. Em novembro de 2015, ela lançou a Vinteconto (https://vinteconto.com.br/), um marketplace onde é possível pagar um preço fixo de R$ 20 por quase qualquer serviço ou produto.

Ao se mudar para a Finlândia em 2007, Monique enfrentou dificuldades de adaptação em sua nova vida no exterior, como a barreira linguística, preconceito e o frio extremo na cidade de Helsinki, onde morava (as temperaturas beiravam os 30 graus negativos). “Era muito difícil conseguir qualquer emprego por causa da falta de fluência no idioma, pelo fato de ser brasileira e além do frio que era assustador, mas eu queria continuar no País pela experiência, já que tinha amigos e queria continuar aprendendo inglês. Por isso, mantinha anúncios para cuidar de crianças em sites na Internet”, conta.

Até que certo dia Monique recebeu uma ligação de um senhor, muito educado, para a oportunidade de babá. Ele morava em uma mansão e colecionava vários troféus e roupas de piloto de Fórmula 1. “Eu mal sabia de que se tratava do Mika Salo, o famoso piloto. Consegui trabalhar com a família dele porque eles queriam que suas crianças se comunicassem em inglês desde pequenos”, relembra.

Monique morou no país nórdico por seis anos e chegou a trabalhar como vendedora em feiras roupas. Esse emprego foi tão lucrativo que ela conseguiu abrir sua própria loja de roupas no centro da cidade de Helsinki. Mas o destino guardava um episódio dramático para a família Medeiros. Isso porque, após vários exames, seu marido foi diagnosticado com um tipo raro de tumor no joelho e que o deixou em uma condição incapaz de executar qualquer atividade, por um longo período de tempo.
Por conta disso e da barreira linguística, Monique e sua família se mudaram para a Inglaterra, já que todos eles eram fluentes em inglês. Lá, Monique começou a procurar por opções para trabalhar em casa enquanto não conseguia montar um outro negócio. “Eu já tinha fluência em inglês e procurava por uma oportunidade que me desse a liberdade para trabalhar em qualquer lugar, além de poder estar nos eventos da escola do meu filho e acompanhar o seu crescimento”.

A ideia

A empreendedora é adepta do modelo de trabalho “home based”, onde o profissional tem a possibilidade de trabalhar em casa, como se estivesse na empresa. “Não acho produtiva a ideia de ter que me prender a um escritório e cumprir com o mesmo horário todos os dias. Prefiro a liberdade, pois acredito que a falta dela mata a criatividade e a inspiração”, explica.

Inspirada, Monique aperfeiçoou seus talentos e fez de traduções a ações de marketing para empresas na Inglaterra que atuavam no Brasil. Isso fez com que ela se apaixonasse ainda mais pela ideia de unir a liberdade de poder trabalhar em casa, com aquilo que amava. “Na época eu trabalhava bastante e ganhava um bom dinheiro. Fui ficando cada vez mais apaixonada pela vida de freelancer”, recorda.

Foi então que Monique tomou uma decisão que iria mudar o rumo da sua vida e da sua família: montar o próprio negócio. Avaliando a crise no Brasil, já que trabalhava também com pesquisa de mercado, a empreendedora resolveu apostar tudo o que tinha em seu marketplace, serviço muito popular no exterior. “Eu pensei também em ajudar os milhares de desempregados no Brasil a terem uma renda extra, oferecendo a mesma solução que eu encontrei quando o destino me obrigou a trabalhar em casa, ou até dar um empurrãozinho para começarem seu próprio negócio, assim como eu fiz, mesmo com pouco capital de investimento”, explica.

Foi daí que surgiu a ideia da Vinteconto, um local onde todos poderiam comprar e vender serviços e criar a própria história, fazendo aquilo que amavam.

“Faltava um marketplace onde os clientes pudessem encontrar algo a mais do que serviços gráficos, tradução ou marketing. Na Vinteconto, reunimos profissionais das mais diferentes áreas, estudantes e donas de casa que ajudam nas tarefas do dia a dia para àqueles que não têm tempo de fazer, assim todo mundo ganha”, explica. Para a empresária as outras plataformas são muito focadas na criação de gráficos, marketing e tradução, enquanto que na Vinteconto, estudantes podem ajudar como assistente virtual e as “senhorinhas” podem vender seus artesanatos. “É acessar a plataforma e ver como você pode facilitar o seu dia a dia, empregando um pessoal que está a fim de trabalhar e que vai dar o maior valor pela liberdade em trabalhar em casa e ganhar por isso”, destaca.

No entanto, o processo de desenvolvimento da plataforma não foi nada fácil. Para começar a Vinteconto, Monique investiu um total de R$ 57 mil de suas economias. A empreendedora começou com um site bem simples que vendia pequenos serviços e tarefas simples do dia a dia. Aos poucos, ela foi adaptando o conceito de marketplace de compra e venda de serviços e produtos ao melhor sistema de gerenciamento de dados, para criar uma plataforma que pudesse oferecer maior agilidade e praticidade para o freelancer poder vender e o cliente comprar o serviço com tranquilidade.
A todo o vapor

Recentemente, a empreendedora lançou a nova função “carreira”, destinada a profissionais de todas as áreas que poderão oferecer desde cursos prontos, treinamentos, e-books e até aulas virtuais ao vivo. Com isso, Monique pretende abrir um leque ainda maior de oportunidades para que os freelancers possam monetizar seus trabalhos.

A plataforma já dispõe de uma diversificada e qualificada comunidade, com mais de 1 mil serviços cadastrados. Trata-se de milhares de profissionais que optaram pelo trabalho de freelancer, garantindo a execução de seus serviços e tarefas com altíssima qualidade.

Benefícios para o freelancer que oferece o serviço na Vinteconto

O freelancer não precisar visitar o site diariamente para enviar propostas e competir com dezenas de outros freelancers. Ele simplesmente posta todos os seus serviços com portfólio, uma única vez, e o cliente vem até ele já conhecendo o tipo de trabalho que ele executa, prazo de entrega e preço.

Não há a necessidade do freelancer competir o preço para cada proposta. Ele terá mais chances do seu trabalho ser visto pelo cliente, que poderá comparar o motivo da distinção de preços e fazer uma decisão de compra sabendo exatamente o que esperar de um vendedor e do outro.

Não há taxa para se registrar na plataforma e o freelancer pode anunciar quantos serviços quiser. A Vinteconto se reserva a recolher 12% do valor executado pelo freelancer por cada serviço.

Vantagens para quem compra

A praticidade de escolher e comprar o serviço principal e os serviços extras oferecidos na página do freelancer com apenas alguns cliques. A facilidade em usar a ferramenta de busca ou navegar pela categoria de serviço que esteja procurando e ter disponível o portfólio do freelancer, o preço do serviço, prazo de entrega e a avaliação deixada por outros clientes. Outro diferencial é o preço, uma verdadeira pechincha. A maioria dos freelancers prefere ganhar no volume de vendas por um preço mais baixo, especialmente, se para ele o serviço é algo simples e que tenha muita praticidade em fazer. A Vinteconto dispõe de centenas de serviços a partir de R$ 20, que custariam centenas de reais em outros lugares.

Sobre a Vinteconto

Fundada em 2015, a Vinteconto (https://vinteconto.com.br/) é uma plataforma pioneira no Brasil de compra e venda de tarefas e serviços, com preços fixos, em sua maioria por R$ 20,00. Atualmente, já conta com milhares de serviços através da sua comunidade de freelancers. O objetivo da Vinteconto é oferecer a micro, pequenas empresas e profissionais de todas as áreas os mais variados tipos de trabalhos profissionais.

https://www.facebook.com/Vinteconto¬

Informações à Imprensa
Bruno Bersano – bruno.bersano@bersano.com.br
11 + 3856-8219
www.bersano.com.br
Campanha, Lançamento, marketing, Mercado, varejo, venda

Coca-Cola Cherry e Coca-Cola Vanilla chegam ao mercado brasileiro

Coca-Cola Cherry e Coca-Cola Vanilla chegam ao mercado brasileiroAtendendo a pedidos, os dois sabores de grande sucesso global chegam em lata sofisticada para um público ávido por novidades!

Sabores de grande sucesso no portfólio global, a Coca-Cola Vanilla (sabor baunilha) e Coca-Cola Cherry (sabor cereja) começarão a ser distribuídos oficialmente no Brasil a partir de hoje pela Coca-Cola FEMSA Brasil, maior engarrafadora de Coca-Cola no mundo. As bebidas serão produzidas e comercializadas no país em edição limitada. Com formato diferenciado e sofisticado, as latas sleek de 310 ml poderão ser encontradas nos melhores supermercados de São Paulo, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul e do Paraná, com o valor sugerido de R$4,65.

Para o gerente de marketing da Coca-Cola FEMSA Brasil, George Leite, o lançamento faz parte de uma série de novos produtos que a empresa está lançando este ano, com o objetivo de ampliar o portfólio e oferecer mais opções aos consumidores. “Queremos estar conectados com o consumidor e em sintonia com suas escolhas, por isso, é fundamental inovarmos não só nas embalagens e porções que oferecemos, como na diversidade de produtos e sabores”, explica.

“Estamos percebendo cada vez mais a demanda dos consumidores jovens por novidades e inovações dentro da categoria. Eles estão sintonizados com o que está sendo consumido lá fora e querem encontrar esses produtos também por aqui”, afirma George.

Sobre a Coca-Cola FEMSA
Coca-Cola FEMSA, SAB de C.V produz e distribui Coca-Cola, Fanta, Sprite, Del Valle, Schweppes e outras bebidas do portfólio da The Coca-Cola Company em 10 países: México (uma parte substancial da região central, incluindo a Cidade do México, bem como sudeste e nordeste do país); Guatemala (Cidade da Guatemala e região metropolitana); Nicarágua (todo o país); Costa Rica (todo o país); Panamá (todo o país); Colômbia (maior parte do país); Venezuela (todo o país); Brasil (regiões metropolitana de São Paulo, Campinas, Baixada Santista parte do interior de São Paulo, estado de Mato Grosso do Sul, estado de Paraná, parte dos estados de Goiás, Minas Gerais e Rio de Janeiro); Argentina (Buenos Aires e arredores) e Filipinas (todo o país). A empresa também engarrafa e distribui água, sucos, chás, isotônicos, cervejas e outras bebidas em alguns desses territórios. Ao todo, possui 63 fábricas e serve 358 milhões de consumidores por meio de aproximadamente 2,8 milhões de pontos de vendas e conta com mais de 100 mil funcionários em todo o mundo. No Brasil, a empresa está presente como Coca-Cola FEMSA Brasil, empregando cerca de 18 mil funcionários e atendendo mais de 72 milhões de consumidores, distribuídos nos estados de São Paulo, Paraná, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais e Rio de Janeiro.No Brasil, são 35 centros de distribuição e nove fábricas, sendo a unidade de Jundiaí (SP) a maior no mundo em volume de produção em produtos Coca-Cola.