empreendedorismo, etc, Inovação, Liderança, Mercado, Moda, Mulheres, Mulheres Empreendedoras, PME, varejo, venda

Jovem empreendedora dribla a crise e ajuda mulheres a ter uma renda extra

Em momentos de crise como o que o país vive hoje, são os criativos que se destacam e obtêm sucesso. E é isso que está acontecendo com uma estudante de Relações Públicas que encontrou a solução para a sua vida financeira com adesivos de unha. Ela criou um curso para dividir tudo que aprendeu sobre o assunto e tem ajudado milhares de mulheres a obterem uma renda extra.

Em momentos de crise como o que o país vive hoje, são os criativos que se destacam e obtêm sucesso. E é isso que está acontecendo com uma estudante de Relações Públicas de São Leopoldo, na Região Metropolitana de Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, que encontrou a solução para a sua vida financeira com adesivos de unha.
Jovem empreendedora dribla a crise e ajuda mulheres a ter uma renda extra
Priscila Casagrande, hoje com 22 anos, é uma empreendedora por natureza, pois desde muito cedo buscou alternativas para aumentar a sua renda mensal. Apaixonada por moda, beleza e tudo que envolve o mundo feminino, aos 18 anos a jovem queria muito melhorar de vida. Foi então que uma amiga lhe apresentou esta oportunidade com os adesivos de unha . Insegura, investiu em cursos básicos e em materiais para iniciar esta prática.

Após muitas buscas, sentiu que a grande maioria dos cursos não possuíam informações valiosas para quem realmente quer ganhar dinheiro com a venda de adesivos de unhas.
Com pouco investimento Priscila conseguiu um bom lucro, e aos poucos foi mudando completamente sua vida financeira.

Mas a mudança não parou por aí, além do seu próprio sucesso, a empreendedora criou uma forma de ajudar as pessoas, que como ela também procuravam uma maneira de aumentar rua renda no final do mês e, de quebra, se divertir com uma arte prazerosa.

Foi então que ela tomou a decisão de criar o Nails Design Expert ­ Adesivos de Unha.

O curso tem como objetivo ensinar a fazer diferentes tipos de películas de unhas, com materiais dos mais variados e com qualidade garantida. O curso ainda vai além, ela ensinar a vender estas películas de unhas e a ganhar dinheiro de verdade.

Com atitudes como esta, além de mudar a sua própria vida financeira, ela tem como objetivo mudar a vida de muitas outras pessoas.

Website: http://nailsdesignexpert.com.br/

Anúncios
Coaching, empreendedorismo, Liderança

Líder e líderes, uma particular reflexão.

liderooooo

Tenho visto um número absurdo de pessoas que desistem do meio corporativo devido à falta de postura profissional e respeitosa de seus líderes. Ainda muitos deles insistem em atitudes condenáveis; o líder que acredita saber e conhecer tudo, além de achar que todos precisam dele não são mais bem aceitos nas organizações e ainda assim, muitos praticam suas atividades baseadas nestes princípios.

“O liderar com respeito tem a ver com o líder que dá condições para o colaborador desenvolver suas habilidades em prol do seu trabalho e da empresa. Que estimula as pessoas a melhorarem cotidianamente seus próprios processos de trabalho. É aquele que instiga funcionários a enxergarem e resolverem, eles próprios, os problemas acerca de suas funções”, dizem os autores do livro Liderar com Respeito, Freddy Ballé e Michael Ballé. Gosto particularmente de outra colocação dos autores: “Líder é aquele que transforma colaboradores em solucionadores de problemas em todos os níveis da organização“.

Uma recente pesquisa realizada por LeadPix com mais de 3000 profissionais brasileiros constatou que ser “honesto e justo” (54%) são as características mais admiradas em um líder. “Disposição para escutar” com 26,7% e “ser acessível” ficou logo em seguida com 21,8%. Já, “ser autoritário” com 22,6%, “ter descaso com a equipe” com 22,4% e “ser arrogante” com 21,7% são as características mais criticadas pelos profissionais. Se analisarmos mais as principais características apontadas nesta pesquisa, não poderíamos chegar à conclusão de tudo isso quer dizer “respeito ou falta dele”?

Repensemos nossas atitudes como líderes e porque não como empreendedores? O ser humano precisa e merece respeito. Em todas as sessões de mentoria que realizei nos últimos tempos mostraram-me isso. Grande parte é oriunda do mercado corporativo, cansados de serem maltratados e até, às vezes, humilhados, eles buscam gerir um negócio próprio para colocar em prática conceitos de gestão e liderança não, ou mal experimentados no universo corporativo.

Resta saber se quando estes novos empreendedores conseguirão de fato se transformar em líderes, se praticarão as velhas receitas de liderança ou se serão capazes de construir uma nova visão empreendedora na gestão de liderança também.  Vamos observar… e quem sabe escrever mais a respeito em um outro post.

Finalizo nosso papo de hoje com uma reflexão a partir das palavras de Tom Peters, o grande mestre da gestão: “cuide dos seus funcionários como se eles fossem seus clientes! Empresas e líderes que não valorizam seus funcionários nem promovem um ambiente agradável nunca entregarão o melhor serviço ou produto para seu público”.

Uma boa e produtiva semana a todos.

Sucesso!