Campanha, comunicação, comunicadores, educação, marketing, Mkt educacional, Publicidade, venda

Comissão de Educação proíbe publicidade em escolas

escola-ebc-990x707
Img: EBC

A Comissão de Educação da Câmara dos Deputados aprovou o Projeto de Lei 2640/15, do deputado Luciano Ducci (PSB-PR), que proíbe a promoção de qualquer atividade com conteúdo comercial nas escolas públicas e particulares de ensinos fundamental e médio.

 

A vedação vale para publicidade, divulgação de produtos, serviços, marcas ou empresas, independentemente do meio utilizado.

A proposta altera a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDB – Lei 9.394/96) na parte que define a finalidade da educação básica.

Vulnerabilidade
Relatora na comissão, a deputada Professora Marcivania (PCdoB-AP) defendeu a aprovação da matéria. Ela destacou que o Código de Defesa do Consumidor, o Código Brasileiro de Autorregulamentação Publicitária (Conar) e o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), entre outras normas, reconhecem a vulnerabilidade da criança diante da propaganda comercial.

“Quando meninos e meninas são expostos a isso nos espaços escolares, os efeitos são ainda mais patentes”, disse a parlamentar.

Tramitação
O projeto, que tramita em caráter conclusivo, ainda será analisado pela Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ).

Fonte: Agência Câmara
Reportagem: Emanuelle Brasil
Edição: Marcelo Oliveira
Campanha, evento, eventos, Mercado, Moda, Mulheres, Mulheres Empreendedoras, Plus Size, varejo, venda

Fashion Weekend Plus Size acontece domingo

Domingo, 24 de julho é dia de Fashion Weekend Plus Size! Quem vamos??? rs

modelos todas
La Robertita (batom azul), Gabriela Caroli (ruiva de batom pink), Denise Gimenez (loira de batom pink) e Isabelle Campestrini (batom amarelo).

No ano passado assisti ao FWPS e fiquei realmente encantada com o que vi. Excelente organização, grandes marcas, maravilhosas modelos e muita criatividade, bom gosto e muitas peças lindas apresentadas nas coleções que mostravam que a mulher plus pode e está com tudo! O profissionalismo é a marca registrada de Renata Poskus que há muitos anos fala sobre o universo plus size em seu blog Mulherão e há mais de 10 está à frente da causa e da organização deste evento.

O FWPS é o principal evento de moda GG do país e apresentará coleções VERÃO 2017 de grifes especializadas no setor plus size. Esta edição será realizada no Centro de Convenções Frei Caneca, localizado na Rua Frei Caneca, 569, na região da Av. Paulista.

O FWPS conta com um salão de negócios que começa às 11h. Já os desfiles acontecem a partir das 17h.

Pela primeira vez, o Fashion Weekend Plus Size realiza uma programação de Palestras direcionadas aos lojistas. A participação é gratuita para os lojistas do setor e as inscrições devem ser realizadas no site oficial (clique neste link). A credencial dá acesso às Palestras, Salão de Negócios e aos Desfiles.

A programação é a seguinte:

11h30 – “Transforme a crise do varejo em oportunidades de crescimento”, por Wilsa Sette Moraes Figueiredo, coordenadora nacional do segmento Varejo de Moda pelo SEBRAE Nacional desde 2013.

Paula Bastos Perfil

Paula Bastos, Grandes Mulheres

13h30 – “Como usar as redes sociais para reforçar a sua marca e alavancar seu negócio” por Paula Bastos, jornalista formada pela UNESP, fez diversos cursos livres de moda e comunicação digital. Atuou em grandes agências de São Paulo como assessora de imprensa e analista de redes sociais. Atualmente trabalha com consultoria, planejamento e produção de conteúdo para o segmento de moda na área digital.  Foi colaboradora de moda do site da Revista TPM e blogueira do Brasil Post. É autora do blog Grandes Mulheres.

palestrante_patricia souza

Patrícia Souza, Usefashion

15h30 – “Tendências verão 2017 – conheça os objetos de desejo das suas consumidoras na próxima temporada” por Patrícia Souza, diretora de pesquisa do Grupo UseFashion, empresa que realiza análises em profundidade de mercados globais e locais, inspirando de forma inteligente toda a cadeia de produção de moda, pesquisa e criação, chegando aos pontos de venda. Especialista em Moda e Comunicação, com 22 anos de experiência e ampla visão de negócios de moda, em sua trajetória atuou efetivamente em todos os processos da cadeia produtiva, da pesquisa até o varejo. Responde pelo direcionamento dos projetos de pesquisa e definição de tendências, tanto de moda quanto de comportamento de consumo, assim como pela análise da qualidade de todo o conteúdo do Grupo UseFashion.

Este ano um time lindo de 4 modelos super tops estão abrilhantando a campanha da 14a. edição do FWPS, entre elas a minha amiga Denise Gimenez a quem tenho muita admiração. Vejam se ela não é poderosaaaaaaaaaaaaaa!!!???!!! Estarei lá prestigiando ela, a Renata, as modelos plus e aos lojistas plus a quem tenho como clientes e amigos. Bora lá, gente!!

fashion weekend plus size 12
Denise Gimenez

Serviço:
Fashion Weekend Plus Size verão 2017
Data: 24 de julho (domingo)
Horário: Salão de Negócios das 11h às 21h

Palestras: 11h30, 13h30 e 15h30
Desfiles das 17h às 20h

Local: Centro de Convenções Frei Caneca
Rua Frei Caneca, 569 – 4º andar
São Paulo – SP

 

Ficha técnica das fotos:

Foto: Adriana Líbini
Styling: Renata Poskus
Make: Priscilla Satim
Hair: Katia Toledo
Roupas fitness: Cachopa
Jeans: Xtra Charmy

Ingressos à venda em: https://www.ticket360.com.br/evento/5913/14ordm-fashion-weekend-plus-size

Site oficial: http://fwps.com.br

Te vejo lá ou nas redes sociais, fique ligada!

Campanha, carreira, educação, empreendedorismo

O que a resiliência e a educação empreendedora podem fazer pelo seu filho?

Estudo comprova que crianças que crescem em lares onde o empreendedorismo é tido como estilo de vida e a resiliência uma importante ferramenta para a formação terão maiores chances de se tornar um adulto de sucesso

resiliencia

Tenho ouvido João Kepler falar sobre a resiliência há um bom tempo porque assim como ele, sempre acreditei ser fundamental as pessoas desenvolverem a característica de absorver os acontecimentos e se reinventarem de forma a voltarem a ser o que eram antes ou pessoas ainda melhores, moldadas e experientes. Desenvolver a capacidade de se adaptar as mudanças e ser flexível diante delas ao ponto de usá-las a seu favor, por si só já é motivo de admiração.

A seguir, compartilho texto de Kepler a respeito de como a resiliência e a educação podem contribuir para a formação das crianças, vejam…

Tive acesso a uma pesquisa que só fez confirmar toda a minha teoria fundamenta na prática de vida e de mercado, afinal, a resiliência é uma característica comum (ou deveria ser) a qualquer empreendedor. Duas psicólogas desenvolveram um estudo com 700 crianças que nasceram na ilha de Kauai, no Havaí, no ano de 1955. O incrível e revelador é que mais de 60 anos depois os resultados comprovam a importância do papel dos pais enquanto mentores, orientadores.

Emmy Werner e Ruth Smith dividiram as crianças em dois grupos, condições favoráveis que era composto por aqueles com uma família estruturada e amorosa e estabilidade financeira e no outro estavam às crianças de famílias muito pobres, doenças na família, pais alcoólatras e violência doméstica também eram fatores de risco no segundo grupo. As crianças foram avaliadas em diferentes idades: com 1, 2, 10, 18, 32 e 40 anos. Só por essa divisão a grande maioria de forma natural apostaria que o segundo grupo apresentaria mais problemas ao longo da vida, certo? Ficou comprovado que isso era verdade para duas em cada três crianças do grupo de risco, mas o fato é que aquele um terço surpreendeu os cientistas.

As pesquisadoras os definiram de uma forma bem interessante, foram chamados de “vulneráveis, mas invencíveis” e passaram a vida adulta sem problemas significativos. Por que essa definição? Constataram que eram competentes, confiantes e carinhosos, e deram a essa capacidade de se adaptar e superar os fatores de risco o nome de “resiliência”. Os estudiosos identificaram três fatores que impulsionaram a resiliência nas crianças de Kauai: a sua própria personalidade, um cuidador de confiança e a sensação de pertencimento a uma comunidade.

Citei essa pesquisa para mostrar que comprovadamente as crianças enxergam nos pais um espelho, principalmente nos primeiros anos de vida e que a sensação de confiança e pertencimento faz com elas possam desenvolver sua personalidade da melhor forma possível. Note ainda que os “invencíveis” eram, desde pequenos, reconhecidos como ágeis, espertos, encontraram pelo menos uma pessoa para ser sua “âncora” no caos familiar: seja um dos pais, um avó ou um professor, por exemplo. Com essa pessoa, puderam estabelecer um laço de carinho e confiança.

E o mais interessante e o que quero destacar neste artigo é que assim como adotar um estilo de vida empreendedor a resiliência pode sim ser aprendida. Pesquisas recentes associam a resiliência com a plasticidade cerebral, a capacidade do nosso cérebro de se adaptar a condições adversas. Por isso, a líder atual do projeto, Lali McCubbin, “defende que a resiliência seja vista mais como um processo do que algo que uma criança tem e a outra não”.

Acabei de lançar recentemente o livro Educando Filhos para Empreender – Editora Ser Mais (Literare Books), e nele falo justamente que é possível se tornar um empreendedor no sentido mais amplo da palavra. Nem todo mundo nasce cheio de ideias e vontade de fazer diferente, mas acredito que assim como a pesquisa mostrou em relação à resiliência que todos e, principalmente, as crianças podem ser treinadas e adquirir ao longo da vida características para melhorar a forma com que lidam tanto com os maiores desastres quanto com os estresses do dia a dia, pode ser também com o empreendedorismo.

Na minha visão, ser empreendedor é muito mais que abrir o próprio negócio, trata-se de uma atitude, da forma de enxergar e encarar as coisas, é uma forma de agir (e reagir), de pensar e de viver. Acredito que as pessoas que absorvem tais características estarão sempre um passo à frente, tanto na vida pessoal quanto na profissional. Defendo a teoria de que os pais precisam preparar seus filhos para o mundo e não tentar mudar o mundo para eles. Dê ao seu filho a chance de ver o mundo com outros olhos, o da resiliência e do empreendedorismo, que juntos podem ajudar a construir o futuro sonhado.

O livro Educando Filhos para Empreender pode ser encontrado no site da Livraria Saraiva: http://www.saraiva.com.br/educando-filhos-para-empreender-9349494.html

 

Sobre João Kepler:
Reconhecido como um dos Palestrantes mais sintonizados com Inovação e Convergência Digital do Brasil; Especialista em e-commerce, marketing, empreendedorismo e vendas; Investidor Anjo, líder do Núcleo Nordeste da @AnjosdoBrasil; Participa em mais de 40 Startups; Associado nas Investidoras Bossa Nova Investimentos e Seed Participações; Lead Partner da Plataforma @DealMatch; Cotista e Mentor nas aceleradoras@StartYouUp, @85Labs e @Aceleratech; Premiado como melhor Investidor Anjo de 2015 no prêmio Spark Awards da Microsoft, Empreendedor Serial, Conselheiro da @GCSM Global Council of Sales Marketing, CEO na plataforma SDI de Event Ticketing; Colunista de diversos portais no Brasil; Palestrante Internacional; Escritor, autor e coautor de Livros [O Vendedor na Era Digital] e [Vendas & Atendimento]; [Gigantes das Vendas] e [Educando Filhos para Empreender]; Premiado em 2013, 2014 e 2015 como um dos maiores Incentivadores do Ecossistema Empreendedor Brasileiro; Espalhador de Ideias Digitais e Melhores Práticas em Negócios.
Campanha, Lançamento, marketing, Mercado, varejo, venda

Coca-Cola Cherry e Coca-Cola Vanilla chegam ao mercado brasileiro

Coca-Cola Cherry e Coca-Cola Vanilla chegam ao mercado brasileiroAtendendo a pedidos, os dois sabores de grande sucesso global chegam em lata sofisticada para um público ávido por novidades!

Sabores de grande sucesso no portfólio global, a Coca-Cola Vanilla (sabor baunilha) e Coca-Cola Cherry (sabor cereja) começarão a ser distribuídos oficialmente no Brasil a partir de hoje pela Coca-Cola FEMSA Brasil, maior engarrafadora de Coca-Cola no mundo. As bebidas serão produzidas e comercializadas no país em edição limitada. Com formato diferenciado e sofisticado, as latas sleek de 310 ml poderão ser encontradas nos melhores supermercados de São Paulo, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul e do Paraná, com o valor sugerido de R$4,65.

Para o gerente de marketing da Coca-Cola FEMSA Brasil, George Leite, o lançamento faz parte de uma série de novos produtos que a empresa está lançando este ano, com o objetivo de ampliar o portfólio e oferecer mais opções aos consumidores. “Queremos estar conectados com o consumidor e em sintonia com suas escolhas, por isso, é fundamental inovarmos não só nas embalagens e porções que oferecemos, como na diversidade de produtos e sabores”, explica.

“Estamos percebendo cada vez mais a demanda dos consumidores jovens por novidades e inovações dentro da categoria. Eles estão sintonizados com o que está sendo consumido lá fora e querem encontrar esses produtos também por aqui”, afirma George.

Sobre a Coca-Cola FEMSA
Coca-Cola FEMSA, SAB de C.V produz e distribui Coca-Cola, Fanta, Sprite, Del Valle, Schweppes e outras bebidas do portfólio da The Coca-Cola Company em 10 países: México (uma parte substancial da região central, incluindo a Cidade do México, bem como sudeste e nordeste do país); Guatemala (Cidade da Guatemala e região metropolitana); Nicarágua (todo o país); Costa Rica (todo o país); Panamá (todo o país); Colômbia (maior parte do país); Venezuela (todo o país); Brasil (regiões metropolitana de São Paulo, Campinas, Baixada Santista parte do interior de São Paulo, estado de Mato Grosso do Sul, estado de Paraná, parte dos estados de Goiás, Minas Gerais e Rio de Janeiro); Argentina (Buenos Aires e arredores) e Filipinas (todo o país). A empresa também engarrafa e distribui água, sucos, chás, isotônicos, cervejas e outras bebidas em alguns desses territórios. Ao todo, possui 63 fábricas e serve 358 milhões de consumidores por meio de aproximadamente 2,8 milhões de pontos de vendas e conta com mais de 100 mil funcionários em todo o mundo. No Brasil, a empresa está presente como Coca-Cola FEMSA Brasil, empregando cerca de 18 mil funcionários e atendendo mais de 72 milhões de consumidores, distribuídos nos estados de São Paulo, Paraná, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais e Rio de Janeiro.No Brasil, são 35 centros de distribuição e nove fábricas, sendo a unidade de Jundiaí (SP) a maior no mundo em volume de produção em produtos Coca-Cola.
aplicativos, app, branding, Campanha, Inovação, Internet, Marketing Digital, varejo, venda

Na contramão da crise: aplicativo ajuda varejistas a aumentar o fluxo de clientes

Com promoções para público segmentado, aplicativo promete encontrar novos clientes para supermercados

Na contramão da crise: aplicativo ajuda varejistas a aumentar o fluxo de clientes

A crise pela qual os brasileiros estão passando ainda não foi superada. Entre os muitos problemas gerados está a oscilação dos preços em supermercados, por exemplo. O que hoje custa um determinado valor, em 15 dias pode vir a custar bem mais. Além da dificuldade em organizar os gastos com alimentos e outros produtos devido à inflação acima da média, a diminuição da renda por conta do desemprego também dificulta a vida dos consumidores e, consequentemente, dos mercados.

Este panorama economicamente negativo se expressa no cotidiano do brasileiro. Recentemente, o Presidente Interino, Michel Temer, permitiu a importação de feijão no país para conseguir diminuir o preço do grão que, nos últimos 12 meses, aumentou 41,62% – de acordo com o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). Com essa situação, varejistas – sejam de pequenas ou grandes redes – precisam buscar novas formas para superar a crise e manter clientes.

Hora de reverter o quadro

De acordo com os dados divulgados pela CNC (Confederação Nacional do Comércio) a pedido do jornal O Globo , o número de varejistas que fecharam as portas de suas lojas subiu 52% entre 2014 e 2015. Entretanto, o mercado sempre abre espaço para que inovações encontrem alternativas capazes de reverter a recessão e apresentar opções viáveis para os consumidores. O setor de varejo necessita, mais do que nunca, de ferramentas práticas e acessíveis que lidem diretamente com a ponte entre quem vende e quem compra. A partir desta demanda, o Sav@Price foi elaborado.

O aplicativo tem como foco o setor de varejo e sua principal função é facilitar a interação entre os varejistas e os consumidores, estabelecendo uma conexão para divulgação de preços, ofertas e promoções de modo efetivo e consistente. “Os supermercados precisam repensar e criar novos métodos de vendas, nosso aplicativo ajuda a conquistar novos consumidores, pois já possuímos uma base de usuários cadastrados que procuram por transparência e por preços mais baixos”, afirma Marcos Theodoro Siqueira Filho, CTO & Co-Founder do Sav@price.

Com o Sav@Price é possível mensurar quem recebeu as ofertas de determinado varejista e por qual loja o consumidor optou no momento da escolha do supermercado. Um dos grandes diferenciais do aplicativo é propiciar a interação com os consumidores da região onde o varejista possui estabelecimento, ou seja, isso evita a perda de informações para os clientes que pertencem a outras regiões e não irão àquela loja devido a distância. Os varejistas, por sua vez, conseguem atender demandas no comércio local – o que garante maior fidelização por parte de quem consome.

“Nossa ideia, é aumentar o fluxo de consumidores no seu estabelecimento, com isso proporcionar um crescimento das vendas”, diz Siqueira. Os supermercados podem divulgar suas promoções segmentadas por frequência de compra, preferência por linha de produto ou marca, idade e sexo – focando num público específico. “Com a Sav@price os estabelecimentos conseguem fazer campanhas baseadas nas sazonalidades ou até mesmo para produtos próximos do vencimento”, completa. Este é um método efetivo quando se leva em consideração o contexto de crise econômica. Promoções e ofertas sempre ligadas a datas específicas têm grande efetividade.

Vantagens para o Varejo

Criar um canal de comunicação dinâmico entre varejista e consumidor é apenas uma das muitas possibilidades que a ferramenta apresenta. Se o lojista estiver com dificuldades para lançar campanhas devido à falta de tempo, ele pode utilizar o portal do Sav@Price para efetuar criações “just in time”. Caso a interação com os clientes também seja um fator problemático por motivos processuais, o app permite que o contato num ambiente totalmente online sem que haja necessidade de instalações.

Organização e gestão de informações são elementos indispensáveis a qualquer varejista. Outro aspecto do aplicativo é justamente a capacidade de permitir a automação de processos referentes a PDV, controle de estoque e ERP do supermercado com a ajuda de um software. Com o fluxo de dados, documentos e registros em ordem, há sobra de tempo para investir em outras demandas internas – e na captação de novos clientes.

O Sav@price possui um portal na internet e aplicativos para iOS (Apple) e Android (Google). O varejista e/ou consumidor só precisa fazer o download nas lojas Apple Store ou Google Play para começar a receber ofertas. Para saber mais, e entender como ser parceiro da plataforma, acesse .
Website: http://www.savprice.com

Campanha, cursos, ead, educação, empreendedorismo, Internet, marketing, venda

O site Profissão Artesanato lança curso gratuito para ensinar artesãos a venderem seus trabalhos pela internet

O sonho de muitos artesãos é conseguir viver de artesanato. Muitas vezes esse sonho parece inalcançável e inatingível. Pensando nisso, o site Profissão Artesanato está promovendo um curso online gratuito onde os alunos aprenderão a usar o maior site de compra e venda de artesanato do Brasil, o Elo7.

O site Profissão Artesanato lança curso gratuito para ensinar artesãos a venderem seus trabalhos pela internet

Muitos artesãos se perguntam como ganhar dinheiro com artesanato e se é possível viver exclusivamente dele. O que poucos sabem é que o mercado de artesanato cresce cada dia mais e é possível aproveitar esse crescimento de formas bem simples.

O Elo7, maior site de compra e venda de artesanato do Brasil, recebe milhões de visitas mensalmente e movimenta um enorme valor financeiro. Criado em 2008, tem crescido a passos largos e atraído cada vez mais a atenção de artesãos interessados em divulgar seu trabalho. Os números divulgados são fantásticos, a cada segundo são feitas mais de 20 pesquisas internas no Elo7, o que o torna um excelente local para divulgação e venda de artesanato.

Uma das maiores vantagens do Elo7 é que ele inclui os produtos cadastrados em suas campanhas de marketing e remarketing, atraindo assim mais pessoas interessadas, sem precisar gastar com publicidade.

O curso Elo7 Essencial foi idealizado para todos aqueles que sonham em ter o artesanato como sua principal fonte de renda.

O curso ensina desde o cadastro no Elo7, até assuntos mais técnicos como a otimização de conteúdo e técnicas de relacionamento com o cliente, tudo de forma bem didática.

O curso é online e 100% gratuito, não é necessário nenhum tipo conhecimento específico.

Após concluir o curso você poderá criar sua loja facilmente de forma prática e sem segredos, personalizar a aparência da loja deixando-a com a identidade visual do seu negócio. Poderá também cadastrar seus produtos da forma correta alcançando assim mais pessoas. Além disso, durante o curso você aprenderá as melhores estratégias para fazer com que seus produtos tenham destaque e consequentemente você venda mais, e as melhores práticas para atrair novos clientes e manter os que já compraram.

No site Profissão Artesanato você pode ter mais informações sobre o curso.

Website: http://profissaoartesanato.com.br/

Campanha, comunicação, etc, Promoção

Inscrições abertas para a corrida feminina McDonald’s 5K

Evento será realizado no dia 9 de outubro em cinco cidades ao mesmo tempo5K

No dia 9 de outubro, a Corrida McDonald”s 5K – Mulheres em Movimento promete ser o maior evento esportivo para mulheres do Brasil. A prova acontecerá ao mesmo tempo em cinco cidades: São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Curitiba e Brasília. As esportistas podem optar pelo percurso de cinco quilômetros de corrida ou caminhada.

O kit do evento é composto por camiseta, chip, sacola e número de peito. Vale destacar que o número deverá ser usado visivelmente no peito, sem rasura ou alterações, sendo que será desclassificada a participante que não utilizá-lo. Ao fim da prova, as corredoras deverão retirar medalha de participação, isotônico e frutas.

Inscrições
O Ticket Agora, parceiro oficial do Webrun, está fazendo o pré-lançamento exclusivo das inscrições para essa corrida. Então, corra e garanta a sua vaga antes da virada de lote!

Clique aqui para efetuar a sua inscrição: http://goo.gl/9hM7QJ
Website: http://www.ticketagora.com.br/