empreendedorismo

O enorme mercado do bem-estar

cosmeticos-homensmulheres

Bem-estar é o grande mercado da atualidade. Estética encabeça a lista de preferências de homens e mulheres.

Segundo a Associação Brasileira de Clínicas e SPAs o mercado faturou em 2012 mais de 370 milhões e cresce cerca de 10% ao ano.

Neste mercado grande uma característica entre as maiores consumidoras estão mulheres sem tempo, que aproveitam o horário do almoço, o intervalo entre a refeição e o retorno ao trabalho para realizar tratamentos estéticos curtos.

Outra crescente característica é que cerca de 33% dos homens brasileiros usariam produtos estéticos se eles fossem desenvolvidos especialmente para o gênero masculino. Só que apenas 2% dos lançamentos cosméticos no Brasil foram criados para ele no ano passado.

Comer saudavelmente impulsionam também os negócios não somente de alimentação, mas o de tecnologia. Já repararam quantos aplicativos existem na área de saúde e bem-estar?

Não podemos desconsidera estes dados ao pensar em um novo negócios, em nossas estratégias de marketing e de empreendedorismo.

Dica da Lú: pesquise, analise e aprimore sua capacidade de fazer o melhor para os melhores, pois o consumidor brasileiro tem aprendido exigir o melhor dos empreendedores nacionais!

Sucesso!

crédito foto: 4774344sean/Thinkstock

Anúncios
empreendedorismo, Internet Marketing, Marketing Digital

8P´s do Marketing Digital

digital-internet-marketing

Hoje trouxe esse tema por acreditar que sem planejamento, sem o olhar macro das ações no ambiente digital, corremos sérios riscos de fracasso em nossas ações na Internet.

Essa metodologia é do Conrado Adolpho, que além de escritor é professor e palestrante  sobre marketing digital. Originalmente publicado como Google Marketing e reformulado na quarta edição para “Os 8 Ps do Marketing Digital”, a mudança do nome foi feita para que o autor conseguisse traduzir melhor a ideia proposta em seu livro com uma nova metodologia para entender, planejar e executar o marketing digital.

Pode aparentar simples para quem atua em Marketing, mas acredito que sempre se pode aprender com pessoas que tiveram sucesso aplicando suas metodologias, e o Conrado fez isso e além disso, tenho certeza que este texto ajudará as pessoas que empreendem a pouco tempo no meio digital, às pequenas empreendedoras… aplico esta metodologia do Conrado em minhas sessões de mentoria e consultoria. Ela é norteadora do meu trabalho e espero que vocês consigam fazer proveito delas também. Então vamos a eles:

1º. P – Pesquisa: Estude o comportamento do mercado consumidor que você quer atingir. Saiba quem são, o que gostam, o que fazem na internet as pessoas que você quer atrair para o seu canal digital.

2º. P – Planejamento: Estes dados levantados no 1o. P servirão de base para todo o planejamento. Planeje, coloque no papel estratégias que atinjam o seu público-alvo. Tenha em mente que cada canal digital tem características próprias e diferentes.

3º. P – Produção: Execute as ações planejadas. Crie cronogramas que lhe proporcionem a plena realização da prática da estratégia planejada. Seja pró-ativo e cumpra o que determinou em cada etapa da produção.

4º. P – Publicação: Este é o momento do fazer propriamente dito. Coloque em prática, continue avaliado em todo momento os perfis do público de cada canal utilizado para que a publicação esteja sempre condizente com o perfil do seu público. Algumas técnicas de comunicação devem ser adotadas para cumprir o papel de entregar ao público o que ele realmente espera do seu canal.

5º. P – Promoção: Promova seu negócio em todos os veículos de comunicação da web… redes sociais (procure as mais adequadas ao perfil do seu negócio), e-mail marketing, links patrocinados precisam de conteúdos relevantes ao público escolhido. Utilize-se destes diversos meios para ampliar a viralização deste conteúdo que será realizado na própria etapa, no 6o. P.

6º. P – Propagação: Incentive os consumidores a propagarem seus conteúdos. Além disso, pense em estratégias de atendimento e pós-venda nestes canais pois muitos utilizarão estes canais para se relacionar com você e com sua marca e isso pode ser uma estratégia diferenciadora do seu negócio na web.

7º. P – Personalização: amplie o relacionamento pensando na fidelização de clientes. Comunique sempre de maneira específica e objetiva ao seu público, segmente o seu público para facilitar as ações.

8º. P – Precisão: mensure os resultados atingidos até o momento. Analise ações bem sucedidas e as que precisam ser aperfeiçoadas ou modificadas essencialmente. Talvez neste momento você precise pensar na elaboração de um planejamento de 8P´s mais adequado ao resultado inicialmente alcançado.

Fico por aqui desejando muito sucesso para você e seu empreendimento digital. Escreverei mais a respeito, e você que é minha seguidora, pequena empreendedora, acredite: essa metodologia pode ser aplicada no seu pequeno negócio.

Sucesso!

educação, empreendedorismo, evento

V Virada Empreendedora será realizada neste fim de semana

virada_151

Nos dias 25 e 26 de abril acontece em São Paulo a quinta edição da Virada Empreendedora com o tema “Empreenda, Mude o Brasil”. O evento que já se consagrou como um dos maiores sobre empreendedorismo no Brasil terá novamente 24 horas ininterruptas de atividades na Fundação Getúlio Vargas (FGV).

O evento terá diversas arenas com apresentações simultâneas de temas que ajudarão os empreendedores a pensarem estrategicamente seus atuais ou futuros negócios, além de uma Feira de Negócios e muito relacionamento, confira:

ARENA INSPIRAÇÃO – Como o próprio nome diz, o objetivo dessa Arena é levar muita inspiração e modelos de sucesso com histórias de empreendedores que você não imagina existir no Brasil.

ARENA FUTURES THINKING E INOVAÇÃO APLICADA – Os participantes irão conhecer melhor e praticar como definir uma proposta de valor robusta e sustentável para seu negócio atual ou futuro.

ARENA E-COMMERCE – Uma programação voltada especialmente para pequenos e médios varejistas, que atuam no comércio eletrônico brasileiro, o setor que cresce mais do que o PIB do País.

ARENA DIGITAL – Arena de caráter prático, focada em oficinas em que os participantes possam vivenciar soluções digitais na prática e sair com campanhas “rodando”.

ARENA COWORKING FOUNDERS – Compartilhar espaço, potencializar experiências, colaborar para fazer os sonhos acontecerem… é assim que essas pessoas estão desenvolvendo seus negócios. A Arena Coworking Fouders vai incubar esse pessoal para gerar novas ideias e levar todo mundo além.

ARENA STARTUP RUN + PITCH FIGHTS – O PitchFights é uma competição de ideias, na qual os participantes irão em apenas um dia montar uma ideia de negócio e colocá-la à prova em um ambiente eletrizante!

ARENA EMPREENDEDORISMO SOCIAL – A Arena funcionará como uma dinâmica conhecida como World Café. Cada participante trata de determinado assunto em uma mesa com um especialista durante aproximadamente 40 minutos. Os empreendedores poderão interagir entre si, uma oportunidade de fazer novos contatos. Passado o tempo o grupo se desfaz e a pessoa vai para outra mesa, discutindo um tópico diferente.

ARENA MELHORES MENTORES –  Empreendedores experientes irão dedicar tempo a atender dúvidas sobre sua ideia ou seu negócio.

ARENA SUA EMPRESA VAI VIRAR – A arena traz uma programação cheia de dicas interessantes ao empreendedor brasileiro que está pensando em como transformar seu negócio em algo maior ou ainda como fazê-lo “virar”.

ARENA EMPREENDEDORISMO CRIATIVO – Espaço CEMEC durante a madrugada de sábado para domingo.

A Virada Empreendedora é realizada de forma totalmente colaborativa, seja por parte dos curadores das “Arenas de Conteúdo”, seja por parte das parcerias estratégicas de serviços e materiais para a realização do evento.

“A realização do evento é um grande desafio. Também sou pequena empreendedora e não disponho de muita verba, mas graças à disposição de pessoas muito bacanas que trabalham para a fomentação do empreendedorismo no Brasil, a Virada Empreendedora vem se consagrando com grande sucesso”, diz Ana Fontes, curadora do evento.

A V Virada Empreendedora é realizada pela Rede Mulher Empreendedora, portal de apoio a mulheres de negócios, e pelo Natheia, um espaço de Coworking. O evento conta com o apoio da FGV (GVcenn) e com o patrocínio da Neolaw.

LOCAL: Fundação Getúlio Vargas – rua Itapeva 432 (próximo ao metrô Trianon-Masp)

Na madrugada: Rede CEMEC – rua Sílvia, 423 – Bela Vista – São Paulo – SP
HORÁRIO: das 14h00 do dia 25 de abril às 14h00 do dia 26 de abril de 2015.

Para ver a programação completa do evento e fazer a sua inscrição acesse www.viradaempreendedora.com.br

empreendedorismo, Marketing Digital, Mulheres, Mulheres Empreendedoras, PME

Marketing Digital também é para você, pequena empreendedora!

tendencias_marketingdig

Muitas mulheres perguntam-me como “fazer Marketing Digital” em seus pequenos negócios. Devido à frequência que isso tem ocorrido, resolvi escrever, resumindo em algumas dicas práticas que precedem às ações de Marketing propriamente ditas.

Não consigo deixar de sempre incluir inicialmente “o tão falado”, planejamento. Essa seria a dica de número zero (0), ok? E sabe por quê? Por que as pessoas e, consequentemente grande parte das empresas, não o fazem (falarei em outros posts sobre planejamento, acompanhe!).

Acredito que planejar resume-se em uma palavra inicial, posicionar-se! Se você tiver isso em mente já será um bom começo. Posicionamento requer debruçar-se sobre o que você quer e o que espera do seu negócio.

Técnicas auxiliam na elaboração do planejamento, 4 P´s, 8 P´s marketing digital, análise SWOT, BCG, CANVAS etc… começo falando sobre a primeira dica: procure aprimorar seus conhecimentos, mesmo que você acredite que tem conhecimento suficiente para abrir um negócio. Muitas coisas novas surgem a todo momento, além do mais, sempre é tempo de aprender… nas Escolas, na vida, com as pessoas, na Internet! Seja curiosa, mostre para você mesma interesse em conhecer, aperfeiçoar e inovar. Esta também é a minha segunda dica: inove também em seu negócio. Posso dizer aqui que inovação nos dias atuais é alma de qualquer negócio, principalmente se ela for acompanhada de ineditismo. Consumidores estão sendo bombardeados do mesmo à toda hora. Inovar é diferenciar e diferenciando, você consegue conquistar nichos inexploráveis.

Em época de crise o que vem à tona é a criatividade. Essa minha terceira dica aplica-se ao seu negócio e a você também: pense e seja criativa. Muita gente associa o Marketing à grandes investimentos. Claro que isso também é verdade, mas o Marketing de baixo custo existe exatamente para contribuir com as pequenas empresas e em épocas de crise e de mudanças. O modelo clássico e mais caro é a publicidade. Seja criativa encontrando outros meios de divulgação. Segundo Walter Hermann, criatividade é um processo cerebral que implica a habilidade de desafiar suposições, reconhecer padrões, ver novas maneiras, fazer conexões, arriscar-se e agarrar as oportunidades.

Então, crie novas maneiras abrindo novos canais de venda e de relacionamento com seus clientes. #relacionamento é a bola da vez. Ideias simples surtem efeito e o Marketing Digital pode dar ao você abertura de novas frentes de negócios. Instagram, Facebook, blogs, cada um com sua estratégia, resultam em novos e bons negócios.

Concluo este texto chamando atenção para estas ferramentas. Acreditem, elas são uma possibilidade para você, mesmo que você não tenha dinheiro para fazer campanhas publicitárias no Google ou no Facebook.

No próximo post falarei sobre essas estratégias, os canais digitais que você pode explorar e aí deixo a dica final: antecipe-se e crie perfils oficiais de sua empresa. Garanta o registo do seu nome/marca no Facebook, no Instagram, no Youtube e no Pinterest. Mesmo que você ainda não sabe o que são essas redes sociais e terá de atuar em cada uma delas, cadastre-se e garanta o seu nome. Se depois a sua estratégia for começar com presença em parte delas, não faz mal, você já garantiu o sue nome. Este nome deve ser simples para ser facilmente lembrado, ele tem de representar a sua marca e se for inédito, melhor ainda, pois podemos garantir retorno mais eficaz em ações futuras. Cuidado com nomes não profissionais ou caricatos que possam trazer problemas futuros e tenha em mente os direitos autorais, busque no Google informações sobre o nome que pensa cadastrar, este pode ser o primeiro passo.

Deixo esta lição de casa para você meninas! Até a próxima…

Boa ação, branding, Campanha, Dia do Beijo, Marketing Digital, Promoção, Quem Disse Berenice?, venda

Experiência com a Marca e o impacto positivo de uma ação promocional

No último sábado a marca Quem Disse, Berenice? acertou em cheio na ação promocional comemorativa ao Dia do Beijo. Participei como consumidora e observei tudo o que aconteceu naqueles 25 minutos que correram entre o tempo de espera na fila e a realização da compra. Sim, clarooooo, comprei também! E vi algumas outras pessoas comprando também.

Foto tirada da fila
Foto tirada da fila

A maioria das mulheres foram somente trocar seu antigo batom (de qualquer marca) por um novo. Esta era a sistemática da campanha. Semanas anteriormente à data (11 de abril), a campanha foi lançada nas redes sociais. Fui impactada por um anúncio no Facebook. No site da marca, a consumidora preenchia o cadastro, gerava o voucher que depois seria levado na loja escolhida no ato do preenchimento do formulário junto com um documento de identidade.

Ao chegar na loja, em um shopping na cidade de Osasco, grande SP, me deparei com uma pequena fila organizada na frente da loja. Cerca de 10 mulheres aguardavam a vez do atendimento enquanto funcionárias checavam na fila se elas estavam com a documentação, mostravam um mostruários de cores (havia muitas opções de cores a escolher) e ao chegar no início da fila, a funcionária checava o nome na lista, entregava uma pequena sacola da loja, um flyer com produtos em promoção já divulgando a campanha do Dia das Mães.

Produtos que comprei, e o batom mara que troquei!
Produtos que comprei, e o batom mara que troquei!

Em frente aos expositores de batons as funcionárias mostravas várias opções de cores, proporcionavam a experimentação dos batons, perguntavam se precisavam de mais alguma coisa e ao final, dirigiam as consumidoras à fila do caixa para dar “baixa” e/ou pagar o(s) produto (s) e recolher o batom trazido pelas consumidoras.

Atendimento gentil, educado e profissional foi o que vi! Algumas mulheres na fila do caixa elogiavam o atendimento, a promoção e a loja.

Fiquei pensando neste momento, ponto muuuuito positivo para a marca! A experiência com a marca foi muito positiva. Percebi que algumas pessoas estavam ali pela primeira vez naquela loja e que estavam ali por conta da promoção. Perguntei à funcionária se muitas mulheres estavam participando e ela respondeu que ali uma loja não muito grande, elas esperavam  mais de 900 mulheres. Imaginem só, 900 pessoas experimentando esse serviço de excelência, pois foi isso a imagem que levei da promoção, excelência!

Importante também falar que percebi ao longo de toda esta semana que a marca atuou fortemente nas redes sociais, fui “perseguida” pelos banners “tagiados” que me lembravam a todo momento ao visitar páginas na internet, que sábado eu tinha que trocar o meu batom e que podia imprimir o voucher caso ainda não tivesse impresso.
Muito boa a ação de Marketing Digital da marca. A equipe de merchandising e de treinamento/rh também estão de parabéns, boa organização, bom treinamento e boa equipe de trabalho!

Voltando às compras, comprei mais dois outros produtos, um que queria já comprar outro que não conhecia e vi que também outras mulheres estavam comprando. O que mostra que mais um objetivo, o de vendas, foi alcançado pela ação.

Na internet vi que muitas amigas, conhecidas ou apenas seguidoras das minhas redes sociais também participaram da promoção. Sabe como eu sei? Postei uma foto marcada com a hashtag #diadobeijo e o resultado foram centenas de imagens no Instagram, cerca de 4 horas de ação depois do início da promoção. Muito bom!

#quemdisseberenice #branding #acaopromocional #promocional @acertouemcheio!

ead

EAD – A solução para que exista futuro na Megalópole Brasileira?

Será que já paramos para entende porque não conseguimos nos movimentar para cumprir a todos os compromissos do nosso dia a dia, sendo de carro, transporte público ou caminhando?

Este questionamento é importante quando lembramos que esta Megalópole Brasileira (Rio de Janeiro, São Paulo, Campinas, Vale do Paraíba, Sorocaba e Baixada Santista) concentra 23% da população brasileira em um território de 82.616 km2 de extensão.

ead

Sim, são números impressionantes que tiram o sono dos que “tentam” viver nestas cidades e causam temor ao imaginarmos o futuro com a mínima qualidade de vida… sim, esta qualidade de vida está cada vez mais rara, podemos quase dizer que em extinção.

Continue lendo “EAD – A solução para que exista futuro na Megalópole Brasileira?”

aplicativos, app, comunicação, comunicadores, produtividade

10 apps de produtividade para comunicadores

Por sua natureza dinâmica, a área da comunicação envolve a administração de atividades simultâneas. Quem precisa conciliar projetos extensos e gerenciar tarefas diversas pode acabar caindo no esquecimento. Por sorte, atualmente é possível contar com uma série de ferramentas voltadas para fluxo de gestão e produtividade. Abaixo, confira uma lista de 10 potentes plataformas para levar sempre no bolso.

------produtividadelHootSuite
Com mais de 9 milhões de adeptos, o painel é uma das melhores opções gratuitas para gerenciamento de redes sociais. Com o Hootsuite é possível agendar posts para Twitter, Facebook, LinkedIn, Foursquare, além de monitorar menções, palavras-chave e hashtags. Tudo isso é acompanhado de estatísticas e de um relatório de desempenho online. Acesse o app para Android e a versão para iOS. Continue lendo “10 apps de produtividade para comunicadores”