educação, Mkt educacional

Aprovada criação da Kroton, maior empresa da área de educação do Brasil

Nesta quinta-feira (3) foi aprovada em assembleia, por acionistas das empresas de educação Kroton (KROT3) e Anhanguera (AEDU3) a fusão entre as duas companhias. O negócio que uniu as duas empresas foi anunciado há cerca de um ano.

A aprovação marca a última etapa para a associação entre as partes. Os acionistas da Kroton ficarão com 66,5% da nova empresa e os acionistas da Anhanguera, com os 33,5% restantes.

 

Kroton Anhanguera

NOMENCLATURA – A nova empresa terá somente o nome Kroton e vai incorporar a Anhanguera no seu portfólio de marcas. Rodrigo Galindo, da Kroton, ficará na presidência executiva e Gabriel Rodrigues, da Anhanguera, no comando do Conselho de Administração.

A nova Kroton, disse, em comunicado à imprensa, ressaltou que inicia agora “a fase de execução da integração depois de um extenso trabalho de planejamento e detalhamento de projetos”, com foco em crescimento orgânico e inovação.

Segundo a empresa, todas as atuais operações serão preservadas no momento, com exceção daquelas impostas pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade).

Em maio, o Cade aprovou, com restrições, a fusão anunciada em abril do ano passado, que criará uma companhia com cerca de 1,5 milhão de alunos no ensino superior e na educação básica e mais de 37 mil colaboradores.

As restrições previstas no acordo incluem a venda de operações de ensino a distância (EAD) da catarinense Uniasselvi, comprada pela Kroton em 2012 por R$ 510 milhões.

O acordo prevê ainda a limitação para captação de alunos em alguns cursos de EAD em 48 cidades até 2017. As companhias também se comprometeram a não utilizarem suas bandeiras ao mesmo tempo para obterem novos alunos em cursos EAD em cidades em que as duas vão atuar.

Individualmente, a Kroton está mais concentrada em ensino superior no Mato Grosso, Minas Gerais, Bahia, Santa Catarina e Paraná, enquanto a Anhanguera está presente em São Paulo, Mato Grosso do Sul, Goiás, Santa Catarina e Rio Grande do Sul.

Nesta quinta, a Kroton também anunciou R$ 483 milhões em dividendos intermediários que começarão a ser pagos a partir de 21 de julho até 30 de setembro, apenas aos acionistas da companhia anteriores à incorporação da Anhanguera.

* Com informações do Portal UOL.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s